Português Inglês Espanhol

Inteligência Emocional é tema de curso para educadoras

5 de fevereiro de 2016

 

Em fevereiro, mais de 30 educadoras do Programa Castanheira participaram de uma formação sobre Inteligência Emocional com neuropedagogos da UNIFESP. O foco da formação foi o impacto das emoções no processo de aprendizagem nos primeiros anos de vida. O tema da inteligência emocional vem sendo discutido no mundo todo, sendo apontado como um fator muito importante para o aprendizado e a qualidade de vida.

 

Durante a formação, foram abordados temas relevantes para a aprendizagem significativa, na qual  teoria e prática se unem. Para fundamentar este argumento, os palestrantes proporcionaram um curso dinâmico, no qual cada parte teórica foi acompanhada por uma vivência.

 

Para que o educador consiga favorecer a apredizagem significativa é necessário o entendimento das habilidades socioemocionais (tais como respeito, cordialidade e otimismo), conta Silvana Cracasso, psicopedagoga especialista em neuropsicologia,  integrante do projeto “Cuca Legal”, vinculado à UNIFESP, que realizou a formação na Julita. “Oportunizar esta formação às educadoras é fascinante, pois elas entram em contato com as próprias emoções, acarretando o autoconhecimento. O ponto principal é que se entenda a interferência das emoções no processo de ensinar e aprender. Para o educador, isto é fundamental porque o faz ter empatia: a criança pequena não tem a linguagem oral formada, o educador precisa interpretar as outras formas com as quais ela se comunica. A Inteligência Emocional está totalmente atrelada à aprendizagem; em um ambiente feliz, com o educador ciente e mediador das emoções do grupo, a criança se sente segura para explorar o mundo que a rodeia”, complementa Silvana.

 

IMG_9777

IMG_9794

 

IMG_9799

 

IMG_9826

 

IMG_9846

 

IMG_9867

 

 

 

 

Excelência na formação de educadores

 

Entre os dias 28 de janeiro a 12 de fevereiro, as mais de 30 educadoras do Programa Castanheira, que atende crianças de até 3 anos, participam de uma jornada de formação em diversas áreas. Temas como Avaliação, Educação Ambiental, Inteligência Emocional na Primeira Infância e questões étnico-raciais fizeram parte deste período formativo. Além disso, outros temas serão discutidos ao longo do ano, proporcionando a formação contínua. O objetivo das formações é subsidiar os educadores com conteúdos teóricos e práticos para proporcionar aos atendidos o desenvolvimento integral.