Fundação Julita Fundação Julita e Sesc Campo Limpo firmam parceria - Fundação Julita
Português Inglês Espanhol

Fundação Julita e Sesc Campo Limpo firmam parceria

20 de abril de 2018

Atividades culturais e educativas serão o foco da parceria que beneficiará a comunidade

 

A Fundação Julita celebra parceria com o Sesc Campo Limpo para fortalecer a realização e a propagação de atividades culturais e educativas voltadas à comunidade.

Os pilares das ações do Sesc que contemplam atividades relacionadas ao Meio Ambiente, Saúde Física e Emocional, Cultura e Esporte são exatamente as áreas que os Centros de Saúde, Educação Ambiental e Esporte da Fundação Julita atuam.

Para o gerente do Sesc Campo Limpo, Mario Fernandes, trata-se de um feliz encontro que inaugura o planejamento de possíveis ações educativas em conjunto, que certamente renderão muitos frutos.

Esta parceria envolve a divulgação da programação do Sesc, a participação de crianças, jovens, idosos e famílias em atividades realizadas pelo Sesc, a integração dos jovens do “Programa Comunidade em Movimento” da Fundação Julita com os jovens do Sesc, além de apoio da instituição em eventos que serão realizados na Fundação”, comenta Célia Hara, coordenadora do setor de Parcerias e Relacionamento da Fundação Julita.

Jovens da Julita participam do “Juventudes em Foco”

Como início da parceria, os jovens da Fundação Julita participaram do evento “Juventudes em Foco – Juventudes Periféricas”, no Sesc Campo Limpo, que contou com as participações do rapper, Rincon Sapiência, e do produtor cultural, Claudio Prado.

O evento debateu a produção cultural como forma de resistência e expressão de identidade; questões essas que já estão em debate no dia a dia da Julita, como analisa Leidyla Nascimento, educadora e coordenadora de Educomunicação da Fundação.

Foi fundamental a participação dos jovens no evento partindo de dois pontos importantíssimos para a formação deles. Primeiro, é que já estamos há algum tempo falando sobre ser jovem na periferia partindo da sua identidade e direitos. Sendo assim, participar do evento é reafirmar a nossa fala e nosso posicionamento sobre a importância do fortalecimento da identidade e da garantia dos direitos da juventude. O outro ponto é que garantimos que os jovens estejam em outros espaços de formação. Muitos nunca tinham ido ao Sesc e não sabiam que era um espaço aberto para eles”.