Português Inglês Espanhol

 

IMG_0021_500

 

 

Nos últimos meses, as grades das quadras poliesportivas da Fundação Julita foram reformadas. O recurso para a manutenção do espaço foi doado pela Fundação Elijass Glisksmanis, que já financiou outras obras na organização, como a iluminação externa e a construção do bazar permanente.

 

Depois da reforma – as quadras beneficiam crianças, jovens e idosos de segunda a domingo.

 

Durante a reforma – A Fundação Julita possui quatro quadras poliesportivas, um dos únicos espaços na região que possui esta infraestrutura.

 

A reforma das grades beneficia todos os atendidos pela Fundação Julita. Entre eles, merece destaque os jogadores dos times da Copa Julita de Futsal. O evento esportivo é anual e conta com equipes da região e de outras comunidades, como Paraisópolis e Grajaú. Os jogos são realizados aos sábados e contam com a média de presença de 200 pessoas por torneio. Beneficiados dos programas da Fundação Julita também realizam semanalmente atividades esportivas nas quadras.

 

 

 

 

MANUTENÇÃO CONSTANTE

 

Com 47 mil m², sendo 2 mil m² de área construída e 16 mil m² de Mata Atlântica secundária, a Fundação Julita tem um espaço único na região, mas que requer manutenção permanente. Além da natureza privilegiada, a infraestrutura da Fundação Julita conta com dois playgrounds para atividades pedagógicas, um estúdio de música para ensaio de bandas independentes, dois refeitórios, diversas salas apropriadas para atividades pedagógicas e algumas específicas para os atendimentos multidisciplinares de saúde (áreas de psicologia, psicopedagogia e odontologia), sem contar a biblioteca comunitária e o auditório multifuncional.

 

 

O auditório da Fundação Julita é um espaço no qual são realizadas atividades formativas com educadores e famílias atendidas pela instituição. Por ser um espaço amplo, o auditório também recebe encontros de outras organizações do entorno e eventos da rede socioassistencial. No entanto, este espaço está desativado atualmente porque apresenta fissuras no solo e rachaduras nas paredes. Para manter suas atividades funcionando, a Fundação conta com o apoio da iniciativa privada e de pessoas físicas, que podem contribuir com material ou recursos para reformas e manuntenção de espaços, como do auditório ou das quadras. Interessados em contribuir para o auditório voltar a receber importantes eventos da comunidade do Jardim São Luís, podem buscar mais informações pelo e-mail: carlaprates@fundacaojulita.org.br